292019jan

Saiba quais são as doenças respiratórias do período chuvoso e como se prevenir.

Em Fortaleza, na maior parte do ano temos temperaturas mais elevadas e, consequentemente, um clima mais quente. Dessa forma, uma parcela da população sente no corpo os efeitos da mudança climática quando começa o período chuvoso.

Uma das áreas mais afetadas são as vias respiratórias, como o nariz. Logo, nesta época do ano é comum o aparecimento de doenças respiratórias como rinite, resfriado e gripe.

A rinite é uma inflamação na mucosa do nariz que pode ser causada por poeira, mofo e mudança climática, dentre outros fatores. Os pacientes que têm rinite apresentam normalmente, espirros, obstrução nasal, coriza e coceira no nariz.

Já os resfriados e gripes são quadros virais, que são mais comuns na estação chuvosa porque as pessoas tendem a ficar mais em casa e há uma maior aglomeração de indivíduos, o que predispõe a transmissão do vírus. Os resfriados são quadros mais leves, enquanto as gripes são mais intensas, podendo levar até ao óbito.

Como cuidados preventivos, a hidratação é fundamental, beba bastante líquido e tenha uma alimentação rica em frutas e verduras, permita que o ar circule em ambientes fechados, pratique exercícios, pois eles melhoram a capacidade respiratória. E em casa, mantenha o ambiente limpo e ventilado.

Como os sintomas destas doenças são semelhantes e para cada tipo existe um cuidado específico, é preciso realmente buscar por uma consulta médica especializada, preferencialmente com um otorrinolaringologista.

 

Dr. Carlos Eduardo Barbalho Coelho

CRM 10308 – Otorrinolaringlogista




Deixar uma resposta